quinta-feira, 25 de abril de 2013

Larissa apoia contratação para suprir professores afastados

(A) A presidente da Comissão de Educação (CE) da Assembleia Legislativa, Larissa Rosado (PSB), afirma ser a favor da contratação temporária de professores, para suprir afastamento provisório de educadores na rede estadual.
Segundo a Secretaria Estadual de Educação e Cultura (SEEC), 892 professores foram afastados de sala de aula no Estado entre janeiro e março deste ano, sobretudo, devido a licenças-maternidade e tratamentos médicos.
“Somos a favor da contratação temporária, porque há necessidade e, nesse caso, não cabe convocação definitiva de concursados para vagas provisórias. Porém, o projeto precisa ser corrigido do ponto de vista legal”, observa Larissa.
Tramitação
A proposta é de iniciativa do Governo do Estado, tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) e foi debatida em reunião conjunta com a Comissão de Educação, Executivo e Sindicato dos Professores, hoje, na Assembleia.
Deputados identificaram falhas legais no projeto, como ocupação de cargos inexistentes no Estado, mas o Governo assegurou corrigi-las para que seja votado próxima semana na CCJ, e depois na Educação e no plenário da Casa.
Apesar de ser pessoalmente favorável, Larissa defende aperfeiçoamento do texto original: “Nós da Comissão de Educação esperaremos o substitutivo vindo do Governo e só vamos aprová-lo após ouvir a categoria dos professores”. (Assessoria de Comunicação Larissa Rosado). 

Nenhum comentário: