quinta-feira, 18 de abril de 2013

Notícias do PSB Nacional

(A) Confira abaixo um resumo das últimas notícias publicadas no site do PSB Nacional:

Aprovação do Estatuto da Juventude

O Plenário do Senado aprovou o Estatuto da Juventude, com 48 artigos, estabelecendo direitos para pessoas de 15 a 29 anos – faixa etária em que se encontram atualmente cerca de 52 milhões de brasileiros. Ele assegura, por exemplo, o acesso à educação, profissionalização, trabalho e renda, além de determinar a obrigatoriedade de o Estado manter programas de expansão do ensino superior, com oferta de bolsas estudos em instituições privadas e financiamento estudantil. Como houve alterações no texto votado pelo Senado, o Projeto de Lei 4529/04 agora retornará à Câmara dos Deputados. 


Eduardo Campos reúne-se com senadores

O presidente Nacional do PSB, governador de Pernambuco Eduardo Campos, participou nesta terça-feira (16) de um almoço na liderança do PTB no Senado, a convite do senador pernambucano Armando Monteiro (PTB/PE). Eduardo Campos avaliou que o encontro com a bancada do bloco PTB-PR-PSC, composto por 14 senadores, foi uma oportunidade muito interessante de debate, especialmente neste momento em que estão na pauta do Senado vários assuntos referentes ao Pacto Federativo. 


Inserções do PSB vão ao ar até o dia 18

Começaram a ser veiculadas na última quinta-feira (11) as inserções do programa partidário do PSB em cadeia nacional de rádio e TV. São cinco filmetes de 30 segundos cada, que irão ao ar dez vezes ao dia durante os horários nobres dos veículos, em 11, 13, 16 e 18 de abril, totalizando os cinco minutos diários determinados pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O presidente Nacional do PSB, governador de Pernambuco Eduardo Campos, aparece como âncora nos cinco filmetes, mostrando realizações e experiências bem sucedidas de sua gestão e de outros governadores do partido. A mensagem principal é que é possível fazer mais com o dinheiro público, como comprovam os resultados obtidos pelo PSB, e que o foco precisa estar voltado para fazer o país avançar.

Novas siglas partidárias

O governador de Pernambuco e presidente Nacional do PSB, Eduardo Campos, classificou a articulação para barrar a criação de novas legendas como uma “agressão”. O governador ressaltou, ainda, a incoerência que seria gerada, uma vez que todos os diretos foram assegurados ao recém-criado PSD e não há motivo para que o mesmo não seja feito com outros que se encontrem em situação semelhante. (Fonte: Site do PSB Nacional). 

Nenhum comentário: