quinta-feira, 31 de outubro de 2013

PSB aprofunda aliança com REDE no primeiro Encontro Programático

(A) Presidente Nacional do PSB, o governador Eduardo Campos reafirmou hoje seu compromisso de estimular o debate em torno dos problemas brasileiros e oferecer à sociedade um programa que permita enfrentar os desafios estruturais do país e atender às demandas mais imediatas da população. Na abertura do Primeiro Encontro Programático do PSB com o Rede Sustentabilidade, Campos reconheceu no diálogo e no entrosamento das duas forças o caminho mais consistente para uma renovação do exercício da política no Brasil e a oportunidade histórica de liderar a construção de um ciclo de desenvolvimento forjado em outras bases. 

"Aqueles que estão pensando isso aqui como a velha política, vão errar uma atrás da outra", avisou o governador de Pernambuco. "Nosso encontro foi além de um olhar eleitoral, nós queremos dar uma contribuição política efetiva para melhorar o Brasil", frisou, referindo-se à aliança com a ex-senadora Marina Silva. "Não nos move o interesse eleitoral de ganhar a qualquer preço, mas também não queremos perder a oportunidade de mudar o país".


Realizado no Espaço do Bosque, na zona oeste de São Paulo, o Primeiro Encontro Programático do PSB com o Rede Sustentabilidade reúne mais de 160 convidados, entre dirigentes dos dois partidos e representantes de setores organizados da sociedade (como empresários, agentes culturais, etc) vindos de diversas partes do país. Divididos em 10 grupos, eles farão a primeira rodada conjunta de debates para identificar e discutir as diretrizes preliminares que nortearão a formulação do plano de governo que será apresentado ao país em 2014. As premissas formuladas hoje serão discutidas e aprofundadas em outros encontros, cuja agenda deverá levar a discussão a diversos Estados brasileiros, de modo a envolver e colher contribuições de todas as regiões do país.

"Nós queremos encontrar o caminho para interpretar corretamente os desafios que estão postos no Brasil e romper com a mediocridade. Queremos recolocar o Brasil no concerto internacional e ajudar a enfrentar essa crise mundial, que também é uma crise de valores", disse Campos. "Nós queremos sair daqui com um mapa do caminho, para que tenhamos uma aliança com a altura e a profundidade que exigem os desafios do Brasil. Queremos um documento que seja referência para pensar o Brasil sem apequenar os nossos sonhos e compromissos", endossou a ex-senadora Marina Silva. (Site do PSB Nacional).



Nenhum comentário: