terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Dia Mundial do Câncer: Projeto de Lairinho propõe Política de Prevenção ao Câncer em Mossoró‏

(A) Neste Dia Mundial do Câncer, vale lembrar que o vereador Lairinho Rosado (PSB) apresentou durante sessão da Câmara Municipal de Mossoró em outubro de 2013 um projeto de lei do legislativo que institui a Política Municipal de Prevenção, Diagnóstico e Tratamento do câncer em seus diversos tipos. Nesta quarta-feira (04), o Instituto Nacional do Câncer, o Inca, divulgou que o Rio Grande do Norte deve apresentar 7.060 casos de câncer neste ano.

Segundo o teor da proposta de Lairinho, a iniciativa tem cinco finalidades principais: desenvolver ações que possibilite assistir à pessoa acometida do câncer, com amparo médico, psicológico e social; promover campanhas de conscientização acerca da prevenção e tratamento do câncer; incentivar debates sobre a doença com a participação de entidades ligadas à área da saúde, voltados para o controle da incidência do câncer; e empreender esforços para firmar parcerias que visem o cumprimento das ações de prevenção e combate ao câncer.
 
 
Ainda de acordo com o projeto de lei n° 188/2013, as iniciativas voltadas à prevenção, diagnóstico e tratamento do câncer poderão ser organizadas em parceria com entidades ligadas à área da saúde. A proposição do parlamentar também especifica que as despesas decorrentes da execução do benefício correrão à conta das dotações próprias, suplementadas se necessário; e que a iniciativa pretende instituir “meios que garantam à população carente acesso aos serviços de saúde nessa área e consigam ter qualidade de vida na luta contra a doença.”

7.060 casos de câncer no RN em 2014

O Instituto Nacional do Câncer, o Inca, divulgou nesta quarta-feira (04), no Dia Mundial do Câncer, um ranking com a estimativa de casos da doença que devem ser registrados no país em 2014. O estudo aponta que o Rio Grande do Norte deve apresentar 7.060 casos de câncer neste ano. À nível de região Nordeste, o estado da Bahia aparece com a maior probabilidade de registros da doença, com 23.410 casos de câncer em 2014 e Salvador pode ser a capital com maior incidência de neoplasias (5.860).

Ainda no ranking do NE, o Ceará vem em segundo na lista, com 20.080 ocorrências; seguido de Pernambuco, com 20.070 casos. Já à nível nacional, o estado de São Paulo é o que mais deve registrar novos casos de câncer este ano; com mais de 152 mil notificações. E o segundo estado que mais deve ter ocorrências é o Rio de Janeiro, com 73.680 casos; seguido de Minas Gerais, com 61.530; e Rio Grande do Sul, com 51.410. Os dados são complementares à previsão nacional divulgada pelo governo; e a estimativa total do Inca aponta que o Brasil deve ter 576.580 novos casos este ano.

Nenhum comentário: