quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Lairinho cobra transparência na aplicação de recursos destinados ao Projeto Viver Melhor

Ainda durante sessão desta quarta-feira, 09, o vereador Lairinho Rosado questionou a eficiência do Projeto Viver Melhor, desenvolvido pela Prefeitura de Mossoró, bem como cobrou transparência na aplicação dos recursos destinados ao Projeto. Porém, o que mais chamou a atenção do edil foi o ponto inserido no Art 9º, que buscava mudar a Lei 60/2011, que diz que o Conselho Previdenciário precisa autorizar movimentações acima de R$ 100.000,00. O Executivo queria tirar essa exigência.

Em reunião que aconteceu após o questionamento de Lairinho, o próprio presidente da Previ-Mossoró, Renato Fernandes e vereadores governistas estranharam o ponto inserido ao projeto enviado. Lairinho buscou os colegas vereadores e conseguiu sensibilizá-los e uma emenda do pessebista foi aprovada, retirando essa tentativa de modificar a Lei 060/2011.

“Tive a oportunidade de estudar o Projeto de Lei e discordo da maneira como pretendem destinar o recurso sem autorização do Conselho. É um valor muito alto a ser movimentado sem autorização e discussão com os servidores, os mais interessados”, disse.

Ao final, agradeceu os colegas por terem aprovado a proposta sugerida por seu mandato, destacando a importância da autorização do Conselho Previdenciário na destinação dos recursos.

Nenhum comentário: